House of night
Bem Vindo ao Fórum de RPG da Casa da Noite, um fórum totalmente português, em que podes viver a vida de um iniciado ou de um vampyro!
A saga "A Casa da Noite" foi criada por Kristin e P. C. Cast e apresenta-nos um mundo onde os vampiros são aceites (não muito bem) pelos humanos e procuram viver em sociedade.
Regista-te, preenche a tua ficha de personagem e começa a jogar no RPG HOUSE OF NIGHT! Very Happy
Calendário
CALENDÁRIO

BROKEN ARROW, Tulsa

Inverno
Fevereiro 2015
Sol
14ºC
Chuva, Nevoeiro, possivelmente Trovoada!
Últimos assuntos
» Circo de Broken Arrow
Qua Fev 15, 2017 7:06 pm por Roselune Penettiere

» fixa
Qui Jul 21, 2016 8:19 pm por Rosalie Anderson

» Pedidos de Mudança de Nome & Avatar
Sex Abr 08, 2016 5:33 pm por Claudius Bentley

» Registo de Avatar
Sab Out 31, 2015 4:13 pm por Roselune Penettiere

» Registo de Orientador
Sab Out 31, 2015 12:08 pm por Ana Victoria Gomez

» Mudar de Espécie ou Ano
Sex Out 30, 2015 10:52 pm por Lisa White

» {Exterior} Cavalariças
Qui Out 08, 2015 8:26 pm por Carolina Canady

» [FP] Evangeline
Seg Ago 24, 2015 8:16 pm por Roselune Penettiere

» Cais
Sab Jul 04, 2015 9:21 pm por Roy Norris

» {R/C} Salão de Julgamentos
Qua Jul 01, 2015 9:05 pm por Moritz Gottier

EVENTOS!
EVENTOS!


BREVEMENTE

AULAS
Início: ...
Fim: ...
Horário: DIA 3
Local: Casa da Noite
Terceiranistas/Quartanistas: Português ou Espanhol (consoante a escolha)
Quintanistas/Sextanistas: Educação Física (QS1), Inglês (QS2), Sociologia Vampira (QS3)
Mais informações aqui.

2.ª CORRIDA ILEGAL
Início: ...
Fim: ...
Local: Rua dos Renegados
Mais informações aqui.

FANGTASIA - FESTA DE ABERTURA
Início: ...
Fim: ...
Local: Fangtasia - Brevemente disponível.
Anfitrião: Eric Northman
Vestuário: Provocador!


THE TALK SHOW
Início: ...
Fim: ...
Local: Broken Arrow TV
Apresentadores: Adam Cooper, Claire Clark, Hermione Blake, Jensen Cornish, Liam Brooks & Sarah Fenty
Vestuário: Formal

TORNEIO CÁLICE DE FOGO
Início: ...
Fim: ...
Local: Casa da Noite
Anfitriã: Miranda Kauffman

RITUAL DE PRIMAVERA
Início: ...
Fim: ...
Local: Casa da Noite
Anfitriões: Filhos das Trevas
Vestuário: Formal
STAFF

STAFF


STAFF
Carolina*
admin.
STAFF
Ana*
admin

STAFF

Nita*
admin.


STAFF

Alex*

mod.

STAFF

Andy*

colabgraf.
O NOSSO BUTTON
PARCERIAS


CLICA AQUI PARA TE AFILIARES




{FP} Jackson Morell

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

{FP} Jackson Morell

Mensagem por Jackson Morell em Ter Jul 17, 2012 3:05 am

Sobre o Jogador 
Nome do Jogador: Nitaa
Idade: 18 Anos
Outras Personagens: Roselune Penettiere, Dylan Faris, Brenda Bennet, Carrie Paisley, Stefan Salvatore, Sarah Fenty, Kyle Seeley, Bella Seeley, Jasmine King, Daniel Lautner, Kellan Rider, Aneesa Millian, Chris Whitelaw, Aqua Paxton, Daneel Hewitt, Chloe Mattson, Nora Tyler, John Vesely, Saphire Holt, Debbie McAdams, Wade Kinsella, Samira de Ravin, Peter Murray, Lilian Keeller, Kalona, Benjamin Gray, Tatia Collins, Rachel Blackstorm, Garret Spears, Ellie Adkins, Isaac St. James, Gabriella Brandford, Ariel Montgomery, William Pond, Rainha Sgiach, Florence Levy, Gaia, Valerie Donovan

Sobre a Personagem 
Nome: Jackson Morell {nascido como Aleksi Dimitri Siergueieivitch Stanislavski Belikov}
Idade Aparente:25 Anos
Idade Real: 1500 anos
Espécie:Vampiros Azuis 
Nacionalidade: Russo
Filiação: ---
Dom, Poder, Afinidade: Detetar fraquezas: Capacidade de descobrir os pontos fracos e fortes de objetos e seres vivos. Pontos de pressão, lugares sem proteção, e de modo geral, todos os lugares que eles não gostariam que fossem acertados. Também é possível descobrir fraquezas não-físicas, como uma fraqueza contra água de pessoas que produzem eletricidade, ou um medo de sangue para pessoas traumatizadas. Resistência evoluída: Capacidade de desenvolver uma resistência ou imunidade a alguma forma de dano. Isto pode levar a que não sinta dor a certos ataques e possa realizar tarefas por tempo prolongado.

Como adquiriu o poder:  Uma vez que Jackson sempre fora um jovem solitário, o facto de se excluir da sociedade fazia com que os outros miúdos da sua idade pegassem com ele. Deferia uns murros e partia uns dentes, mas os outros mongoloides sempre voltavam para atazanar a sua vida. Quando foi marcado, esta condição não mudou. Contudo, com o passar do tempo, ele detetava certas coisas que antes não via, como o facto do seu colega de quarto ter medo de aranhas ou uma cabra loira mijava-se toda quando ficava completamente às escuras. Ele nunca entendeu como sabia destas coisas sem que visse ou ouvisse da pessoa. No entanto, durante uma aula de taekwondo, quando lutava com o professor, ele, através das fraquezas que descobria no seu oponente, conseguiu derrota-lo. Nada indicava tal, mas ele sabia que o professor ainda tinha uma costela mal curada. Quando ele falou com o professor de taekwondo e seu orientador, ele explicou-lhe que esse talvez fosse o seu dom, detetar fraquezas. Quanto à resistência evoluída, só descobriu que também a possuía pouco depois de ter-se tornado quintanista. Ao longo do tempo como iniciado, ele ia notando que a dor dos treinos iam diminuindo até quase nem senti-la. Estranhando a sua resistência estranhamente superior à dos seus colegas, ele decidiu testar com algo mais perigoso. Então, todos os dias, com um isqueiro, ele ia queimando a mão. Num dia um bocado, no outro dia outro mais… Sempre assim, até que a chama não afetou mais a sua mão.
Contudo, a resistência não é permanente. Se ele parar de treinar algo, ele volta à estaca zero. Além disso, por exemplo, se a sua mão esquerda desenvolver resistência a algo, apenas esta mão é que não sofre com tal. O resto do corpo sofre. No entanto, o seu sistema imunitário é superior ao dos outros vampyros, resistindo facilmente a qualquer doença ou problema.

Cargo que querem ocupar: -apenas para vampiros- (Colocar uma cruz no cargo pretendido:)
- [X] Filhos de Erebus
- [ ] Orientadores
- [ ] Só Vampiro Vermelho
- [ ] Só Vampiro Azul

Características Físicas:  Jackson é claramente um homem atraente. Alto (1m83) e bem-parecido, todos os seus músculos são trabalhados e definidos. Mesmo com uma t-shirt (ou até sem ela), ele claramente faz as delícias de qualquer jovem com bom gosto. O seu cabelo é negro como carvão e os seus olhos são de um verde incomum. O seu sorriso, embora seja raro, atrai qualquer um. O seu rosto, de expressões bem marcadas, é coberto com barba.

Características Psicológicas: Jackson não é uma pessoa complicada, mas tem os seus “quê’s”. Reservado e solitário, normalmente não faz conversa ou socializa. Vive para o trabalho e dá o máximo de si no mesmo. Um dia, no seu coração, ainda houve um rasto de felicidade, mas agora resta apenas uma frieza congelante. Coração de pedra, não se importa quem vai para os anginhos; o que interessa é ter o trabalho feito no final do dia. Não tem medo de nada, nem mesmo da morte, e aguarda pacientemente por ela. Supostamente as pessoas são más mas ainda conseguem ser amigáveis… Ele não. Amizades, amores, conhecidos… Ele não quer nada disso. Neste mundo, na vida dele, só há ele.

História do Personagem:Jackson nasceu num pequeno povoado na Rússia, à 1500 anos atrás, quando a pobreza vivia em cada canto e as desigualdades sociais eram bem marcadas. A liberdade era um conceito desconhecido e o trabalho pesava nos ombros desde cedo. Nascido como Aleksi Dimitri Siergueieivitch Stanislavski Belikov, Jackson eram o mais velho de oito irmãos, sendo o único do sexo masculino. Denominado por Alek pelos que viviam com ele na época da sua juventude, ele desenvolveu um espirito guerreiro e de proteção dos seus familiares, protegendo principalmente as suas irmãs de tudo que conseguisse. No entanto, esta qualidade desaparecera com o tempo, fruto da desgraça que caiu sobre ele.
Quando ainda era novo, não devia ter completado onze invernos vividos, o seu pai foi obrigado a combater na guerra. Antes mesmo de o seu progenitor partir, Aleksi ficou encarregado de suportar a família. Por isso, meteu as mãos na terra e tentou alimentar a família. Claro que, a sua mãe, embora velha e cansada, tentava ajudar. Durante meses não tiveram qualquer noticia do homem da casa, até que receberam uma nota a dizer que seu pai “morreu a defender a nação, morreu com honra”. No dia seguinte, a sua mãe deixou de sair da cama. Tinha perdido a chama de viver e nem os filhos a conseguiam ajudar. Com isso, Jackson teve de manter a família viva sozinho. Trabalhava no campo para ter alimento, pescava, buscava água, alimentava as irmãzinhas, protegia-as… Fazia tudo. Com apenas onze anos,  já trabalhava, era homem da casa, cuidava das irmãs e da mãe… Com onze anos, Jackson perdeu qualquer rasto de que era uma criança. Nesse momento, perguntou-se “de que serve a honra se estamos mortos?”.
Um ano depois, a sua mãe morreu. Se fora de desgosto ou de fome, ele não se interessava. Quando percebeu que a sua progenitora desistiu de viver, ele desistiu de lutar por ela. Por isso, concentrou-se em cuidar das suas sete irmãs. Contudo, com o tempo, as coisas começaram a descambar. Uma vez que a mãe morreu, eles acabaram por perder o casebre e as poucas terras que tinham, vivendo na rua. Isso fez com que as duas mais pequenas acabassem por falecer de frio e fome. Sendo agora apenas seis, ele finalmente arranjou um esconderijo para se abrigarem, conseguindo viver por mais dois anos. Foi então que, com 14 anos, que as coisas descarrilaram novamente. Uma praga alastrou-se pela região, afetando todas as suas irmãs e a ele também. Embora doentes, ele e a sua irmã de 13 anos, iam cuidando das 4 mais novas. No entanto, como elas ainda eram novas, acabaram por sucumbir à doença. Agora, era só ele e a irmã.
À medida que um amor seu (irmãs) morria, um pedaço dele morria e ele ia tornando-se mais negro. Não confiava nas pessoas, guardava rancor por elas só pensarem em si e não ajudarem. Odiava figuras maternas, porque a sua, infelizmente, representava uma realidade: há mães descuidadas que só se importam com o seu umbigo. Odiava os homens, por preferirem a honra e a gloria ao amor. Simplesmente, odiava o mundo por ser uma valente merda
Uma vez que eram dois, ele e a irmã conseguiram sobreviver por mais dois anos. Quando ele tinha dezasseis e ela quinze, conseguiram arranjar empregos para se sustentarem; ele no campo, ela numa taverna. Como sabiam defender-se (mais ou menos), conseguiam sobreviver. Numa noite, quando voltava com a irmã para o esconderijo, um belo homem os abordou. As roupas dele eram claramente chiques e a forma limpa como se apresentava demonstrava um nível de vida que ele e a sua irmã nunca atingiriam. Ou assim acreditavam eles...
Apontando o indicador para eles, o belo homem anunciou “a noite escolhe-vos como seus filhos”. Inicialmente não compreenderam, mas o tal homem levou-os para um castelo, um lugar antigo e que qualquer um diria assombrado. Lá, descobriram que tinham-se tornado filhos de Nyx e que eram agora iniciados, podendo um dia tornar-se vampyros e viver por toda a eternidade. Naquele lugar, deram-lhes comida e roupas limpas, uma cama arranjada e um lugar onde pudessem passar a noite sem frio. Parecia o paraíso para eles. Ainda lhe deram a hipótese de mudar de nome, mas não o fez. O seu nome lembrava-lhe a sua família que, embora tivesse vivido debaixo de uma onda negra, era a sua família. No entanto, embora os vampyros fossem amigáveis, os iniciados desdenhavam-nos. Alek e a sua irmã vinham de um lugar imundo e as pessoas revelavam o nojo que sentiam por elas. Foi então que Nyx pareceu presenteá-lo com um dom: detetar fraquezas. Assim, ele poderia perceber que não era o único com fraquezas, mas que também os outros as tinham. Com este dom, o seu orientador e professor de combate ajudou-o a tornar-se um grande guerreiro. Quando lutava, ele sentia que podia viver melhor, que podia ter paz, que podia ser livre…
No entanto, quando tudo parecia correr bem, a sua vida deu, novamente, uma reviravolta. A sua irmã começou a rejeitar a mudança. A sua única irmã viva estava a morrer. A promessa de uma eternidade juntos fazia-o sentir nojo de ele mesmo. Contudo, teve junto dela até ela juntar-se a Nyx. Enterrou a sua irmã e, pela primeira vez, chorou a morte de uma irmã. Ele sentiria, realmente, a falta dela e estava perdido. Nas outras, ele sabia que a morte chegaria. Ele já se tinha mentalizado disso… Com ela? Nunca!
Daquela vez, ele não odiou o mundo por lhe terem tirado a irmã. Naquele momento, ele odiava-se por não ter feito mais. Por qualquer uma das suas irmãs, ele daria a vida sabendo que elas ficariam bem. No entanto, nunca lutou mais.
Então, ele começou a treinar. Começou a aprender, a crescer, a desenvolver-se. Não fez amigos, não criou relações amorosas, nada. A única pessoa com quem era sociável era o seu orientador e amigo.
[Quando se deu a mudança para vampyro, planeou a sua viagem para a Ilha Skye, para se tornar Filho de Erebus e poder defender aqueles que merecem. Uma vez na Escócia, ele enriqueceu a arte de lutar e aprendeu novas técnicas, quer de lutas corpo a corpo como com armas. Além disso, também fez mais uma amizade, a Rainha de Skye. Ela, para além de ser uma excelente professora, ajudou-o a encontrar uma certa paz interior, uma estabilidade emocional que ele precisava de conhecer.
Depois de concluir o treinamento e ganhar o título, voltou para a Rússia e juntou-se aos guerreiros.
Novamente na Rússia, a sua vida deu uma reviravolta e, desta vez, talvez para melhor. Na sua noite de folga, ele conheceu uma mulher. Ela era linda. De aparência exótica, os seus cabelos eram brilhantes ao luar. Estranhamente, ela fê-lo sentir-se de uma forma que nunca antes tinha conhecido. E ela era vampyra, pelo que, a eternidade, para eles poderia ser real. Ao que parece, era uma nova professora que tinha chegado. Começaram a relacionar-se e o carinho entre eles cresceu. Ela ensinou-lhe a amar novamente e a sorrir de quando a quando. Passaram séculos juntos e felizes.
No entanto, a sorte não parecia estar a seu favor, uma vez que, numa noite, a casa da noite onde vivia foi atacada. Iniciados morreram, vampyros juntaram-se a Nyx e poucos colegas seus resistiram ao ataque. Tão ocupado a defender um local, ele não pôde procurar por ela e, quando finalmente o pôde fazer, encontrou o seu corpo sem vida. Agarrando-se a ela, ele chorou pela primeira vez em muitos anos. Chorou por tudo. Pelo pai que nunca se conseguiu despedir, pela mãe que desistiu, pelas irmãs que viu morrer como se fosse natural, pela irmã que se foi sem ele conseguir a defender e pelo amor da sua vida que ele desejou nunca perder.
Depois de “limparem” a casa da noite e enterrarem todos os corpos, ele despediu-se do seu mentor e antigo orientador. Estava cheio daquele pais que sempre o fez sofrer.
Foi então que partiu em busca de um novo mundo. E então, chegou à América. Ele não conversava ou socializava, mas, como precisava de viver, foi passeando por lá. Jackson Morell era o seu nome no novo mundo. Embora fosse Filho de Erebus, não se associou a nenhuma casa da noite e procurou sempre manter-se longe do radar dos vampyros.
Comendo em bares de alterne (bebendo o sangue das prostitutas, não fazendo sexo) e dormindo na casa daqueles que matava (beber sangue da fonte faz impressões e matando as gajas acaba-se com os problemas), ele foi sobrevivendo. No entanto, começou a surgir a necessidade de ganhar dinheiro para comprar roupas e parecer minimamente decente. Por isso, ele ia-se metendo em lutas ilegais e lutas de ruas, ganhando uns trocos. E, assim, foi a sua vida por décadas, até que, no final de uma luta, um gajo abordou-o. Convidou-o para matar por ele e, em troca, teria dinheiro para encher piscinas. Ele, como não se importava de o fazer, aceitou. Então começou uma espécie de vida dupla. Numas noites, era simplesmente um gajo atraente que procurava por uma dama (para beber e matar, claro), noutras era um assassino profissional, sem dó nem piedade, sem qualquer rasto de pena.
Continua, atualmente, nesta vida. No entanto, mais implacável, mais mortal, mais perigoso, mais misterioso… E em Broken Arrow… Quem terá ele na mira para matar?


Última edição por Jackson Morell em Qui Ago 22, 2013 3:49 pm, editado 2 vez(es)
avatar
Jackson Morell
Filhos de Erebus Azuis
Filhos de Erebus Azuis

Mensagens : 110
Data de inscrição : 17/07/2012

DADOS PESSOAIS:
Dons, Poderes, Afinidades: Detetor de Fraquezas e Resistência Evoluída
Estado Civil: ---
Emprego:

http://spestigium-rpg.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: {FP} Jackson Morell

Mensagem por Anthea Dolunei em Qua Jul 18, 2012 1:54 am

Aprovado.

_________________

The line between Good and Evil it's not a safe place to live.

Style:
avatar
Anthea Dolunei
Sumo-Sacerdotisa Azul
Sumo-Sacerdotisa Azul

Mensagens : 1534
Data de inscrição : 22/10/2010
Localização : LISBOA

DADOS PESSOAIS:
Dons, Poderes, Afinidades: Afinidade com a Terra. Poderes curativos. Afinidade com a dança. O seu cabelo brilha ao luar.
Estado Civil: Solteira.
Emprego: Sacerdotisa da Casa da Noite

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum